17 de novembro de 2017

Os 10 melhores poemas de Canções de Inocência e Canções de Experiência, de William Blake

Os 10 melhores poemas de Canções de Inocência e Canções de Experiência, de William Blake

Sendo a obra mais conhecida de William Blake, Canções de Inocência e Canções de Experiência nasce como dois estados contrários da alma humana, o da Inocência (infância) e o da Experiência (corrupção da infância pela política, religião e sociedade). Os poemas foram todos escritos e ilustrados por Blake, e apresentam uma musicalidade incrível (afinal, são canções). Abaixo estão os 10 melhores poemas da obra, segundo a liberdade que eu tomei […]

15 de novembro de 2017

O homem que só quer brilhar

O homem que só quer brilhar

Um homem sem destino, indo por um caminho tranquilo, procurando e chamando por ele, enveredando uma busca por ilusões, farto de suas dúvidas, respirando ar puro, com seus olhos em chamas…dançantes, querendo ver sempre os pássaros que, como jardins, enchem a sua esperança. Um homem que cuida de sua alma, regando as flores de seu passado, dando ração aos cães do seu futuro. Outros que nele leem os anos novos […]

14 de novembro de 2017

Vai cortar essa unha, menino!

Vai cortar essa unha, menino!

— Vai cortar essa unha, menino — a mãe disse, talvez pela septuagésima sétima vez. Ele a ignorou, gostava das unhas grandes. Estava se arrumando para ir a uma festa. Terminou de se arrumar. A mãe o acompanhou até o ponto de ônibus. — Você não cortou essas unhas? Ele aproveitou que o ônibus tinha chegado e embarcou de imediato, para evitar falar qualquer coisa sobre as unhas. Sentou-se num […]

13 de novembro de 2017

Homenagem

Homenagem

O Uno vermelho fosco tinha os dizeres Corações a Mil adesivados nas portas. Uma mulher com o cabelo descolorido desceu e passou a chamar o nome de Cristiane que, por sua vez, só abriu o portão depois da certeza de que a vizinhança ocupava as calçadas. Nos minutos seguintes, os alto falantes do Uno tocaram duas canções de Eduardo Costa. Abraçada ao buque de rosas vermelhas que a loira descolorida […]

9 de novembro de 2017

As Iracemas do cinema

As Iracemas do cinema

As versões cinematográficas de Iracema A primeira adaptação fílmica do romance de Alencar foi intitulada Iracema, a virgem dos lábios de mel, dirigida por Carlos Coimbra e lançada em 1979. Considerado pela crítica como acadêmica, pela fidelidade extrema ao texto literário, o filme não teve grande impacto. Além da falta de novidades, a versão de Carlos Coimbra é acrítica, já que desconsidera as ausências que, desde o Modernismo, Mário de […]

8 de novembro de 2017

Impossível

[Quarta Poética] Impossível

O Impossível protege os meus pés De chegarem mais perto da minha conclusão, Que seria em vão, Não tivesse eu tirado os sapatos à entrada, Na minha Origem. Concluo-me quando não estou disponível a interpretações.

7 de novembro de 2017

Passarinho dismétrico

Passarinho dismétrico

Um passarinho nasceu com uma perninha muito maior que a outra, e por isso não lhe convinha ficar no chão dando os pulinhos que os passarinhos dão quando estão catando os ciscos que estão por ali. Uma vez um moço jogou uma porrada de alpiste no quintal da casa e os outros passarinhos correram para ciscar por lá. O passarinho da perna desigual ficou na árvore, chateado, observando a alegria […]

6 de novembro de 2017

Rascunho automático 3

Aberto o edital para a 2ª edição da Revista Recorte Lírico: Edição Gabriel García Márquez

Está aberto o segundo edital para a seleção de contos, crônicas e poesias para a 2ª edição da Revista Recorte Lírico, a edição Gabriel García Márquez. A segunda edição, bem como a de estreia (Iluminar), será editada em Curitiba, sob a supervisão do editor Cássio de Miranda, com ilustrações do artista Luiz Prendin (acompanhe o trabalho dele aqui) e com a realização e distribuição da Editora Recorte Lírico.   Sobre […]

6 de novembro de 2017

Pipa — por Zé Ciabotti

Pipa — por Zé Ciabotti

Cauã comemorou a paralisação dos professores por melhores salários, afinal seriam dois dias sem aula. Apanhou as moedas das sobras do seu trabalho como entregador de panfletos e correu pra papelaria. Comprou vareta, papel de seda, cola e linha dez. Sentado na calçada, como um artesão, confeccionou uma bela pipa. Corriam de um lado para o outro, embriagados pelo vento, Cauã e a pipa. A poucos metros dali, também contra […]

4 de novembro de 2017

NORMAS DE CONCORDÂNCIA E USO DOS PORQUÊS

[Hora do Enem] Normas de concordância e uso dos porquês

Regras específicas de concordância verbal Há expressões, em nossa língua, que dão ideia de plural, mas que são inseridas, no texto, por meio de intercalações. Alguns exemplos são: “junto com”, “somado a”, “em parceria com”, etc. Nesse processo, o uso das vírgulas é fundamental, pois esse sinal de pontuação garante o isolamento da expressão, exigindo, portanto, a concordância verbal com o sujeito, apenas. Nos exemplos abaixo, o sujeito e o […]