5 de dezembro de 2017

Cap. VI

Cap. VI

~> VI – Na portaria, com o porteiro – VI <~ — Não faz diferença. Lá fora está tão bom ou tão ruim quanto aqui dentro. — Você está certo. Lá fora não chove não, mas aqui molha dentro. — Encharca! — Inunda. — Transborda. — E vaza… Nada? — Não. — Boia? — Afundo. — Afoga? — Bem que eu queria. — O quê? — Me afogar. — Por […]

4 de dezembro de 2017

Baby – por Zé Ciabotti

Baby – por Zé Ciabotti

Baby, Já sequei a garrafa de Jack Daniels que compramos naquela noite em que dormimos no quarto doze do motel Delírius. Foi a primeira vez que sussurrei em seu ouvido ‘eu te amo’, ‘eu te amo’, ‘eu te amo’, enquanto a rádio AM tocava uma versão lenta de “Don’t Let me Down. I guess nobody ever really done me, oh she done me, she done me good.”. A garrafa de […]

3 de dezembro de 2017

Ilustres desconhecidos da poesia brasileira: Cícero França 2

Ilustres desconhecidos da poesia brasileira: Cícero França

Nascido em União da Vitória (PR) no ano de 1884, Cícero Marcondes de França foi um jovem poeta paranaense. Colaborou em jornais e revistas de Curitiba e Paranaguá. No ano de 1905, publicou seu único livro em vida, “Necrotério d’alma”. No ano de 1953, a obra foi publicada pela segunda vez, juntamente com “Pedras Brutas” – seleção de poemas póstumos do autor. À maneira do spleen baudelairiano, França estabelece a […]

2 de dezembro de 2017

'Um contratempo' é o melhor filme que vi no ano

‘Um contratempo’ é o melhor filme que vi neste ano

Eu sempre fui um adepto ao cinema de língua castelhana. Os espanhóis, sobretudo. “Películas” como “A pele que habito”, “Mar adentro” e “Tudo sobre minha mãe” são alguns dos tantos filmes do país que já vi e são aclamados pela crítica. Todavia, ‘Um contratempo’ encabeça a lista dos melhores. No ano, pelo menos, é o melhor. Disponível no streaming de filmes Netflix, o longa tem elementos suficientes para conquistar o […]