26 de fevereiro de 2017

Encontro com Borges, por Sergio de Carvalho Pachá

Para o Fernando Gomes e o Rui Almeida Conheci Jorge Luis Borges pessoalmente, menos de um ano antes dele morrer. Foi à Universidade da Califórnia, em Santa Bárbara, convidado por dois departamentos, o de Espanhol e Português e o de Inglês, para fazer uma palestra em cada um deles (o homem era perfeitamente bilingüe, movendo-se com o mesmo à-vontade em inglês e castelhano). Depois de brilhantemente discorrer sobre tudo e […]

23 de janeiro de 2017

Literatura: chegada de Macondo e adeus a Guimarães Rosa

O ano de 1967 marcou, também, a literatura. Entre lançamentos de João Guimarães Rosa, Clarice Lispector e Antônio Callado, destaca-se a chegada às livrarias argentinas de “Cem Anos de Solidão”, de Gabriel García Márquez. O romance do autor colombiano que ganharia o Nobel da Literatura 15 anos depois, em grande parte por causa dessa obra, marcou a época. Lançado dois dias antes de “Sgt. Pepper’s Lonely Hearts Club Band”, a […]

7 de dezembro de 2016

O pai e o filho eterno

Verônica Daniel Kobs* Como resultado de um processo natural e involuntário, todo artista torna-se vítima de si próprio. O sucesso, na pintura, na tevê, na literatura ou em qualquer outra arte, faz com que o público crie para o artista um personagem que deve entrar em cena sempre que ele estiver fora de sua esfera privada. O artista parece ganhar as qualidades do conjunto de sua obra e, como todo […]

30 de novembro de 2016

A queda dos nossos sonhos

Na literatura, por diversas vezes, sonhos são interrompidos. Apesar de toda aparente satisfação, Brás Cubas, do Machado de Assis, morreu frustrado por não ter conseguido se casar, ter filhos, sucesso nos empreendimentos, dentre outros fracassos. Lúcia, do romance Lucíola de Alencar, por sua vez, morre grávida, por não se achar digna de gerar um filho, em meio à luta para cuidar dos seus familiares. Enfim, inúmeros personagens tiveram, por algum […]

27 de novembro de 2016

Eneacampeão: O título dos torcedores alviverdes

Era 19 de dezembro de 1993, como bom baiano que sou, estava na frente da TV assistindo o clube que, mais tarde, ou talvez naquele exato momento, tornava-se o amor da minha vida… assistindo o Palmeiras! Era impensável acreditar que uma criança,com pouco menos de três anos, poderia transcender toda a pressão da torcida rival, sim, na sala, a minha família, apesar de torcer para o Bahia, vibrava a favor […]

23 de novembro de 2016

E O NOBEL DO RAUL?

 Profa. Dra. Verônica Daniel Kobs* Nos últimos dias, pela surpresa causada pelo anúncio do Nobel de Literatura deste ano, a pergunta que recebo é sempre a mesma: e o Bob Dylan? Primeiro, a pergunta veio de um aluno de Letras. Eu tinha sabido da notícia um dia antes. Lembro que fiquei meio atônita, quando ouvi no rádio, mas de um dia para outro mal tive tempo de pensar a respeito. […]

22 de novembro de 2016

Paulo Coelho e a polêmica sobre o sucesso

Parece existir um senso comum de que qualidade da produção literária deve estar necessariamente desvinculada de grande sucesso. Aquele sentimento existente de artista marginal que se sobrepõe às próprias mazelas e produz obra excepcional. Mas, mais do que isso, se recusa a colher os louros do próprio trabalho e aceitar o sucesso. Talvez essa seja uma das possíveis explicações do preconceito existente contra o autor do livro brasileiro mais vendido […]

11 de novembro de 2016

Leonard Cohen e a permanência da perda

Well I stepped into an avalanche, it covered up my soul. Leonard Cohen, “Avalanche”. Through centuries he lived in poverty. God only was his only elegance. Wallace Stevens, “The Good Man Has No Shape”[1]. 1. Dizem que foi um dos momentos mais impressionantes da história da música popular norte-americana. Em 1970, na Isle de Wight, costa sul da Inglaterra, um povoado pacato repleto de iates e de aposentados da marinha […]

9 de novembro de 2016

Raimundo Carrero: A pergunta que se repete e se repete confusa: O que é literatura?

Por Raimundo Carrero Escritor e jornalista Os criadores, exclusivamente criadores, não fazem esta pergunta: O que é literatura? Nem os leitores e, imagino, nem certa linhagem de críticos. Mas ela é feita, com insistência, pelos estudiosos mais ilustres, pelos acadêmicos ou universitários. Fica circulando nas salas de aula, nos livros, nos ensaios mais exigentes. Mesmo assim, há uma unanimidade entre leitores e escolares – medianos ou universitários – que reconhecem […]

14 de outubro de 2016

POP Nobel: Por que Bob Dylan não é digno do Nobel de Literatura – por Fabio Campana

O músico sofre forte rejeição da crítica quanto ao Prêmio Nobel. (Foto: Reprodução) Confesso minha surpresa. Bob Dylan, músico e compositor pop, ganhou o mais prestigiado prêmio literário do mundo. Ora, pois, fico a pensar que há escritores que merecem mais do que Dylan essa glória e essa grana. Philip Roth, para dar um único exemplo. Bob Dylan ganhou antes os que correspondem ao que faz. Oscar, Grammy, Globo de […]