17 de outubro de 2017

O CDF

[Conto] O CDF

Durante o ano em que estudei na escola Dr. Vitor Cordilheiro dos Santos eu tinha um amigo… bem, na verdade acho que seria melhor dizer que eu tinha um colega chamado Gustavo. Colega porque não éramos íntimos o suficiente para firmar amizade. E para falar a verdade, acho que Gustavo não tinha muitos amigos.   Ele era inteligente. Costumávamos, meus amigos e eu, dizer que ele ficaria doido de tanto […]

17 de setembro de 2017

[CONTO] Sobre Caixas e Homo Sapiens

[CONTO] Sobre Caixas e Homo Sapiens

Admito que estou obcecado com a observação analítica de um notável grupo de primatas autodenominados Homo Sapiens – na língua deles, o homem que sabe (já aí se nota sua presunção). Nas próximas linhas hei de fazer breve e incompleta introdução à engenhosidade, ingenuidade e absurdo desta espécie. Devemos recordar que o tipo referido passou por uma existência curta de milhões de anos, e seus costumes e hábitos mudam de acordo […]

10 de setembro de 2017

[Conto] Prenúncio de um assassinato 1

[Conto] Prenúncio de um assassinato

Ana Bolonha estará bastante empolgada na noite em que vai morrer. Ela terá acabado de se formar na Universidade Federal do Paraná e estará divagando, descuidada, sobre seu quase planejado futuro, e apesar de estar bastante irritada com Danilo Santiago, não se atormentará com mais um de seus aborrecimentos naquele dia. Ana levou muitos anos e inúmeras paixões para pensar ter desvendado os labirintos sentimentais, que algumas pessoas parecem já […]

12 de agosto de 2017

A Épica Batalha Interna

[Conto] A Épica Batalha Interna

Esperança olhou o nascer do sol tardio de cima da muralha e suspirou para o novo dia. Vontade ainda era cativa no castelo do desespero e o mundo começava a mostrar os impactos disso. Otimismo se aproximou de mansinho. — Alguma ideia? — Não temos mais escolha. Precisamos ir até lá e trazê-la de volta. Desse jeito, não duramos mais nem uma semana. Ah, se tivéssemos mais gente…. Se estivéssemos […]

17 de julho de 2017

Conto - Paulus

[Conto] Paulus

Era ensurdecedor e constante, a batida produzia um ruído infinitamente incomodo. O menino divaga em seu sono matutino não distinguindo mais entre sonho e realidade. Aquele som estremecia sua alma convertendo o descanso em cansaço, era constante aquele ruído. Em meio ao delírio, a criança viu o sol bater insistentemente no vidro da janela, querendo entrar para despertá-lo de seu sonho inconstante. Em uma tentativa sonambular de atender o astro […]

15 de julho de 2017

[Conto] Adeus, Sandra

[Conto] Adeus, Sandra

Aviso de gatilho: suicídio. Ele sentiu aquele cheiro insuportavelmente delicioso invadir suas narinas sem ser convidado. Ele sentiu todo seu corpo se contrair perante aquela sensação. Ele queria… não, ele precisava desesperadamente cravar seus dentes na presa responsável por aquele cheiro. A criatura saiu desembestada pela rua deserta, seguindo aquele cheiro que teimava em lhe fugir, ao mesmo tempo em que continuava a lhe perseguir, completamente sedutor. Por quatro quadras […]

7 de abril de 2017

[Conto] Sonho após a morte

           O que há após a morte? Há a tão esperada vida eterna? Será que há escuridão? Na realidade, não há nem um, nem outro. Assim como quando dormimos e nosso cérebro nos faz sonhar, quando morremos não é diferente. Basicamente, quando você morrer, irá viver em seu próprio sonho eternamente.            Izabella estava internada em estado grave, completamente dependente de aparelhos […]

24 de março de 2017

[Conto] Que a pizza seja louvada, amém.

            Existiam tantas crenças diferentes no mundo, mas sem sombra de dúvidas, Eliot não conhecia todas elas. Ele vivia sua vida banal e monótona sem acreditar em nenhuma força divina. Toda a sua família ia à igreja ao domingo, mas ele não. Seus amigos sempre o convidavam para festas da igreja, mas ele não ia. Ele sempre via sua esposa rezando antes de dormir, mas […]

16 de outubro de 2016

O leão e o bicho-homem – por Moisés António

O Leão rodeou o mundo inteiro, desafiando os animais da selva, espancando-os todos saiu vitorioso e foi declarado Rei. Mas, enquanto isso, mediante a essa declaração do respeito e honra que recebera depois que conquistou a vitória sentiu-se orgulhoso e envaideceu-se. Os fatos narravam que além dos animais que existiam na selva, cujos Leão havia derrotado a todos, existia ainda um de quem os animais davam testemunho ao Leão dizendo: […]

13 de outubro de 2016

Carta de Brás Cubas a Machado de Assis

Para Machado de Assis, Primeiramente, antes de começar minha crítica avassaladora a esse autor que tentou reproduzir minha vida. Ou minha morte? Talvez, a vida após a morte, dirijo minha palavra a você, querido leitor, que duvidou da minha capacidade de sucesso. Se você não sabe, leitor, exerci a função de crítico literário, não fui muito reconhecido, pois essa foi mais uma de minhas desventuras que não levaram a nada. […]