Recorte Lírico

Tirando a literatura dos corredores acadêmicos

Assinar blog por e-mail

Digite seu endereço de e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas publicações por e-mail.

Junte-se a 1 outro assinante

Seleção de cursos online gratuitos para Humanas (parte 2)

4 de fevereiro de 2018

Categorias:Listas Tags:, ,

Seleção de cursos online gratuitos para Humanas (parte 2)

Mais uma seleção de cursos para a galera de Letras e de Humanas! Vamos lembrar que todos os cursos dessas seleções que eu faço são totalmente gratuitos e são do Learncafe que gera certificados gratuitos, basta criar uma conta no site. Você pode conferir outros posts de seleção de cursos aqui: Parte 1, Seleção de Cursos Online Gratuitos para Letras.

 

A interpessoalidade em blogs (18h)

O objetivo deste curso é analisar os elementos interpessoais presentes em blogs, bem como caracterizar a maneira como ocorre a interação entre blogueiros e usuários, uma vez que, com o advento da Internet, diversos gêneros passaram a circular no mundo virtual e torna-se necessário compreender como estes se caracterizam.

 

Um corte epistemológico na gramaticografia brasileira e a questão da língua portuguesa no Brasil (18h)

A Grammatica Portugueza, de Júlio Ribeiro, publicada em 1881, foi o primeiro compêndio que se ocupou em gramatizar a variante brasileira do Português. Este curso visou a discutir e compreender as condições que possibilitaram a Ribeiro estes pioneirismos, principalmente em relação aos registros do Português no Brasil.

 

Espaços convencionais e alternativos de leitura (12h) 

Espaços Alternativos de Leitura visa a abordar a questão da leitura como instrumento capaz de contribuir para que os sujeitos tenham a consciência democrática e permaneçam ativos no mundo do trabalho da atual sociedade. O objetivo principal é apresentar um estudo sobre o acesso à informação discutindo questões relativas à disseminação da informação, o papel da biblioteca pública e às redes humanas de leitura. O acesso à informação e ao conhecimento pelas classes sociais menos privilegiadas, através da utilização dos espaços públicos de leitura.

 

Walter Benjamin e a Intensidade da História (10h)

O objetivo deste curso é compreender o trabalho do historiador, segundo Walter Benjamin, como a construção de uma interpretação. Apesar de construída, a interpretação não é arbitrária – ela deve ser capaz de apresentar a verdade histórica. Para tanto, ela é aproximada da contemplação filosófica. O objeto da contemplação é a ideia, que não deve ser entendida como algo restrito ao âmbito do pensamento, mas sim como Ser. A ideia é Ser porque arrasta consigo elementos materiais. Isso não significa, todavia, que ela possa então ser encontrada no mundo empírico. Pelo contrário, os elementos materiais só se apresentam para a faculdade mimética. Ela é capaz de perceber semelhanças entre elementos aparentemente heterogêneos, colocando-os em um estado de tensão. A ideia é a imagem formada por essa configuração, na qual encontramos a verdade histórica.

 

O pensamento ético em Epicuro (12h)

O epicurismo surgiu em oposição ao quadro sócio-político que se instalara no mundo grego pouco antes do nascimento de Epicuro. Os homens não mais eram felizes na pólis. Preocupado com a situação, Epicuro tratou de diagnosticar a causa da infelicidade: como poderiam ser felizes homens amedrontados pelos deuses e pela morte e entregues a desejos vãos e perturbadores? Definidas as causas, traçou seu plano de ajuda aos homens: deveria mostrar a eles que as coisas nas quais acreditavam não passavam de ilusões e que a forma como conduziam suas vidas estava equivocada. Disso resultaram escritos relacionados à canônica, à física e à ética, sendo esta última o cerne do epicurismo.

 

O paradoxo do egoísmo (12h)

Como sustentar que o egoísmo é um caráter inerente ao ser humano? A base de tal afirmação são as indicações que Thomas Hobbes (1588-1679) faz sobre o ponto de partida de toda ação humana, o Conatus. Desse egoísmo inerente derivam duas vertentes, uma negativa e outra positiva. A vertente negativa é indicada pela presença do Libertino do Marquês de Sade (1740-1814) na promoção da negação do Eu individual e do reconhecimento do outro somente como ser servil e, a vertente positiva é indicada pelo ser Único de Max Stirner (1806-1856) na promoção da afirmação do Eu individual e pelo reconhecimento do outro e da sua unicidade. Será essa característica positiva do egoísmo, que expressa uma maturidade no saber ser Único, que paradoxalmente divide a própria unicidade com outros seres, o que a sociedade entende por ser altruísmo? É para essa questão central que pretendemos encontrar respostas nas indicações dos autores estudados.

 

Dioniso nos primórdios da Filosofia (6h)

Este curso tem como objetivo apontar no surgimento da Filosofia relações entre esta, em especial no pensamento de Heráclito, e algumas vertentes do Dionisismo. O menadismo e o orfismo, particularmente, surgirão como pontos de contato entre uma filosofia que vê o mundo como um todo em transformação, abarcando homem e natureza. Para isso, a definição de Filosofia utilizada abrange especificamente a Grécia pé-aristotélica, quando não havia separação entre o conhecimento do mundo e a prática ética derivada desta sabedoria.

 

Uma análise junguiana de personagens em filmes de animação (14h)

Este curso tem como objetivo analisar a trajetória de algumas heroínas dos filmes infantis de animação produzidos pelos estúdios Walt Disney Pictures e Dreamworks Pictures no período de 1937 a 2007. Busca-se, portanto, identificar quais são os comportamentos e temas propagados pelas protagonistas dos filmes: Branca de Neve e os Sete Anões, Cinderela, A Bela Adormecida, A Pequena Sereia, A Bela e a Fera, Shrek!, Shrek 2 e Shrek Terceiro.

 

Escritas feministas: os jornais Brasil Mulher, Nós Mulheres e Mulherio (1975-1988) (17h)

Este curso tem por objetivo recuperar parte da história do movimento feminista no Brasil expresso na imprensa alternativa, veículo em que, apesar do governo militar e da censura imposta por ele, a manifestação de ideias e falas não foi totalmente silenciada.

 

A influência da literatura infantil na resolução de conflitos interiores das crianças (8h)

O presente curso aborda a importância da literatura infantil na resolução de conflitos existenciais das crianças da educação infantil. A fim de comprovar a eficácia de um trabalho com literatura, foi executado um projeto com essa arte em uma escola municipal da cidade de Novo Hamburgo/RS.