A Paixão de Mohamed Aziz pelos Livros: Uma Inspiração Literária em Rabat

Cássio de Miranda

No coração de Rabat, Marrocos, entre as estreitas ruelas e o vibrante zumbido da medina, reside uma figura emblemática que se destaca não apenas pela sua profissão, mas pela paixão que nutre por ela. Mohamed Aziz, um livreiro cuja vida e dedicação ao mundo dos livros se tornaram uma fonte de inspiração e admiração, nos lembra do poder transformador da leitura e da importância de preservar a cultura literária. Este post é dedicado à sua história inspiradora, um testemunho da paixão pela literatura em um país de contrastes culturais e sociais.

amazon assoaciados

Origens Humildes e o Caminho para a Literatura

Aziz começou sua jornada no mundo dos livros em 1963, inicialmente vendendo livros na rua, sob a sombra de uma árvore, antes de finalmente estabelecer sua livraria 15 anos depois. Sua história é marcada por origens humildes e por um amor autodidata pela leitura. Em uma entrevista, ele compartilha que sua família, de condições muito modestas, não possuía livros em casa. Foi apenas ao entrar na escola corânica que Aziz teve seu primeiro contato com o mundo da literatura, aprendendo árabe e, mais tarde, francês.

Uma Livraria que é um Refúgio Literário

A Paixão de Mohamed Aziz pelos Livros: Uma Inspiração Literária em Rabat
A Paixão de Mohamed Aziz pelos Livros: Uma Inspiração Literária em Rabat. (Imagem: Hamza Nouasria/Reprodução)

A livraria de Aziz, embora pequena, é um verdadeiro santuário de conhecimento. Com livros predominantemente em árabe e francês, ela atrai não só leitores ávidos mas também aqueles que procuram um vislumbre da rica tapeçaria cultural de Rabat. Aziz passa seus dias entre as páginas dos livros, fazendo pausas apenas para as necessidades básicas da vida. Ele personifica a dedicação ao ofício de livreiro, mantendo viva a chama da literatura em um local pequeno e repleto de histórias.

Uma Coleção Pessoal Impressionante

Com mais de 5000 livros em sua coleção pessoal, Aziz não é apenas um vendedor de livros; ele é um guardião do saber. Seu acervo inclui obras em francês, árabe e inglês, refletindo sua paixão eclética pela leitura. Aziz se destaca não só pela quantidade de livros que possui mas também pela qualidade e raridade de alguns títulos, fazendo de sua livraria um ponto de interesse cultural em Rabat.

Promovendo a Literatura em um Mundo Digital

Em uma era dominada pela tecnologia, onde o digital muitas vezes ofusca o tangível, a história de Aziz nos lembra da importância e do charme incomparável dos livros físicos. Ele promove a literatura em sua comunidade, não apenas vendendo livros mas também oferecendo um espaço para discussões e eventos literários. Aziz acredita firmemente no poder da leitura para transformar e inspirar, mantendo um otimismo resiliente sobre o futuro do livro físico.

Lições de Vida e Literatura

A história de Mohamed Aziz é uma lição de paixão, dedicação e amor pela literatura. Em um mundo onde o ato de ler enfrenta constantes desafios, figuras como Aziz nos lembram do valor intrínseco dos livros e do conhecimento que eles carregam. Sua vida é um testamento à crença de que a literatura tem o poder de transcender barreiras, conectar culturas e iluminar mentes.

Aziz, com sua livraria em Rabat, não é apenas um livreiro, mas um farol de cultura e conhecimento. Sua história inspiradora é um convite para redescobrirmos o prazer da leitura e reconhecermos os guardiões da literatura que, como ele, mantêm vivas as tradições literárias em cada canto do mundo.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.